A UE acaba com as excepções que permitiam o corte das barbatanas dos tubarões

A UE acaba com as excepções que permitiam o corte das barbatanas dos tubarões

A União Europeia acabou com as excepções que permitiam o corte das barbatanas dos tubarões a bordo dos navios. Desta forma evita-se a rejeição  do resto do corpo do animal após a obtenção da parte mais valorizada deste.
A regulação foi aprovada com o voto contra de Portugal. A controvertida prática de cortar as barbatanas e lançar ao mar o resto do corpo do tubarão é proibida na UE desde 2003, mas a legislação previa algumas excepções em que era permitido proceder desta forma.
O novo regulamento eliminará essas excepções, que só beneficiavam os navios espanhóis e portugueses, e obrigará os navios de pesca ao desembarque de todos os tubarões pescados com as barbatanas unidas.

Mais informação: http://oceana.org/en/blog/2013/07/victory-european-union-bans-all-shark-finning

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.