Sucesso na recuperação de pradarias de Zostera noltii no País Basco

Sucesso na recuperação de pradarias de Zostera noltii no País Basco

Desde 2008 AZTI-Tecnalia realiza estudos para avaliar a situação da Zostera noltii e desenvolver ações de recuperação desta fanerogama marinha ameaçadas de extinção. Esta planta forma pradarias nas zonas entremarés de alguns estuários do País Basco (norte da Espanha) e, segundo o trabalho realizado pelo AZTI-Tecnalia para a Agência de Água Basque, os transplantes são a forma mais eficaz para gerar novas populações, uma vez que a possibilidade da colonização é baixa, apesar da melhoria das condições da qualidade da água e do ambiente.

AZTI-Tecnalia tem feito um mapa da distribuição para saber a extensão atual e transplantes em 2009, 2011 e 2012, com bons resultados, já que não só estabeleceu bem a população transplantada, senão que a sua área aumentou em comparação com a inicial.

Mais informação: http://www.azti.es/es/la-agencia-vasca-del-agua-apuesta-por-la-recuperacion-de-las-praderas-marinas-con-la-colaboracion-de-azti-tecnalia/

1Comment